Arroz Doce Sem Ovos


Adoro arroz doce, de várias maneiras e feitios, mas a maneira de que mais gosto dele, é quando é servido em tacinhas de barro… Mais uma da minhas manias :) Eu desde nova que gosto de arroz doce e festa que é festa para mim tinha que ter sempre umas tacinhas dele… Agora já não penso bem assim… As crianças preferem outros tipos de doces, por isso, agora em festas de crianças raramente o penso fazer, a não ser que eu esteja com uma enorme vontade de o comer!!! Esta quantidade que apresento hoje, rende geralmente 7 tacinhas iguais a estas... 2 já se tinham provado!

Canelones Rápidos


Há dias vi uma receita partilhada pela Teleculinária que me chamou mais uma vez à atenção… talvez pelo nome! Rápido, para mim numa receita é meio caminho andado para me cativar… Lá fui ver a lista de ingredientes e pensei… É já neste fim-de-semana… E assim foi. Devo dizer que não me arrependo nada de ter experimentado mais uma receita deste site. É uma receita simples e rápida, para além de saborosa! É claro que não é uma refeição para comer frequentemente, mas de vez em quando, sabe tão bem!!!

Biscoitos de Laranja e Aveia com Nozes


Estes biscoitos não são novidade aqui no blog, mas fica sempre bem relembrar uma receita deliciosa e difícil de resistir, se bem que destes não cheguei a provar nenhum! Foram feitos para participar na feira da Laranja Conventual aqui em Tomar. O ATL da escola da filhota ia estar presente na feirinha pela primeira vez e esta foi logo a minha escolha para a nossa contribuição no evento. Podiam ser feitos com antecedência e eu não teria que me deslocar à cidade de propósito para fazer a entrega. Depois de ter registado os biscoitos ainda mornos, dividi-os por saquinhos que deixei abertos e só depois fechei e coloquei uma etiqueta, mas foi tudo tão à pressa! Sim, eu adoro a adrenalina de deixar tudo para a última!!! E acabei por não tirar foto do resultado final. Espero que quem tenha adquirido os saquinhos que tenha gostado destes biscoitos!

Pescada Gratinada com Camarão


Alguém lá em casa andava sempre a pedinchar para eu fazer massa com atum! Mas massa com atum? Opá! Que cena… Vamos lá trocar as voltas a este assunto e preparar a mesma receita, mas desta vez com pescada, para ver a reação de quem ia comer… Ah! Ah! Ah! A reação não foi a melhor… Pescada e ainda por cima com camarão?!? Peixe!?!… É que para ela atum, não deve ser peixe. Naquele dia reclamou e fez fita para comer o jantar, uma menina com 9 anos... Eu devo dizer que apreciei bastante, com atum ou com pescada é igualmente bom. Mas no dia seguinte, sim, porque fiz a mais para que desse para outra refeição, já estava toda contente a comer o que lhe coloquei no prato, tirando a parte dos camarões, que ela não aprecia, mas não faz mal, ficam para mim… Miúdos… Ou melhor… Miúda!!!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...